Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/18074
Title: A interpretação dos profissionais de saúde acerca das queixas de "nervos" no meio rural: uma aproximação ao problema das intoxicações por agrotóxicos
Other Titles: Occupational exposure to pesticides and health professionals' interpretation of "nervousness" among rural residents
Authors: Levigard, Yvonne Elsa
Rozemberg, Brani
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca. Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Fundação Oswaldo Cruz. Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca. Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Abstract: O problema da exposição ocupacional aos agrotóxicos adquire uma dimensão de forte impacto no que diz respeito à Saúde Pública, uma vez que o Brasil situa-se entre os maiores consumidores mundiais de agrotóxicos. O presente trabalho focaliza a interpretação que os profissionais do Programa Saúde da Família, atuantes no 5o e no 7o distritos do Município de Nova Friburgo, Rio de Janeiro, atribuem às queixas de nervoso no meio rural, de modo a verificar (1) se é estabelecido um elo entre as manifestações de nervoso e os sintomas de intoxicação, (2) de verificar a repercussão deste entendimento sobre as notificações de acidente de trabalho, (3) assim como de discutir a medicalização do nervoso (uso de calmantes) como possível fator de acomodação social, tal como ocorre nos grupos urbanos, e como possível desencadeador de uma dupla intoxicação nos trabalhadores expostos a agrotóxicos. Foram realizadas entrevistas, observações, anotações de campo e levantamento de pesquisas realizadas na área. Destaca-se no discurso dos profissionais a associação entre as queixas de nervos e a exposição a agrotóxicos, sendo discutidos os fatores a isso relacionados e esboçadas algumas recomendações para futuras investigações.
Abstract: Occupational exposure to pesticides has a strong impact on Public Health in Brazil, since the country is one of the world's largest pesticide consumers. Harm to the rural population is reflected in high pesticide poisoning and case-fatality rates. The present paper focuses on the perspective of health professionals working in districts 5 and 7 of the Municipality of Nova Friburgo, Rio de Janeiro State, in the Family Health Program, concerning rural residents' complaints of "nervousness", verifying (1) whether health professionals perceive a link between "nervousness" and symptoms of pesticide poisoning, (2) the implications of their understanding on the reporting of work-related illnesses, and (3) medication for "nervousness" (use of tranquilizers) as a potential factor of social accommodation (as occurs elsewhere in urban groups) and as a potential cause of dual poisoning among workers exposed to pesticides. The methodology included interviews, participant observation, field notes, and consultation of previous studies in the area. The study highlights health professionals' discourse in relation to the association between "nervousness" and pesticides. The authors discuss factors related to this perception and make several suggestions for future research.
Keywords: Pesticides
Occupational Health
Agriculture
Pesticide Exposure
keywords: Agrotóxicos
Saúde ocupacional
Agricultura
Exposição a Praguicidas
DeCS: Agroquímicos
Saúde do Trabalhador
Agricultura
Exposição a Praguicidas
Issue Date: 2004
Publisher: ENSP/Fiocruz
Citation: LEVIGARD, Yvonne Elsa; ROZEMBERG, Brani. A interpretação dos profissionais de saúde acerca das queixas de "nervos" no meio rural: uma aproximação ao problema das intoxicações por agrotóxicos. Cadernos de Saúde Pública, v.20, n.6, p. 1515-1524, 2004
DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2004000600008
ISSN: 1678-4464
Copyright: open access
Appears in Collections:ENSP - Artigos de Periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Saude_nervos_meio rural_Brani_2004.pdf79.21 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksBibTex Format mendeley Endnote DiggMySpace

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.